O artigo técnico “Bebidas lácteas funcionais: Alimentos Probióticos” é um dos destaques da edição n° 139 da Revista V&Z em Minas. A publicação é do zootecnista e mestrando em Produção Animal da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), dr. Neyton Carlos Da Silva.

O profissional aborda o uso de certos alimentos na prevenção de doenças como uma prática utilizada de forma histórica e como esta preocupação vem aumentando e estimulando a inovação e desenvolvimento de novos produtos. Dentre eles, os probióticos mais conhecidos como alimentos funcionais. A Organização Mundial da Saúde define probióticos como microrganismos vivos, que quando administrados em quantidade adequada, conferem benefícios à saúde do hospedeiro. Sendo os leites fermentados a grande importância indústria para a produção de lácteos fermentados.

“No grupo de alimentos funcionais destacam-se os probióticos, produtos que contém microrganismos vivos que, de acordo com as referências buscadas, indicou-se que as concentrações 108 e 109 UFC/g. Além disso, eles tem promovidos muitos benefícios terapêuticos usados para prevenir e tratar doenças tendo ação como imunoestimulantes, melhorando a absorção de nutrientes”, cita o autor no artigo.

Para conferir o artigo na íntegra, clique aqui e acesse a edição da Revista V&Z em Minas.